21 de Julho de 2020 às 07h55

Lava Jato cumpre mandados de prisão sobre supostos crimes eleitorais de Serra em 2014

A Polícia Federal cumpriu mandados de prisão na manhã desta terça-feira (21), em nova fase da Lava Jato que apura supostos crimes eleitorais na campanha de José Serra, do PSDB.

De acordo com as investigações, o senador teria recebido R$ 5 milhões em doações não contabilizadas (caixa 2) na campanha que o elegeu senador em 2014.

Um dos presos na operação é José Seripieri Júnior, fundador e ex-presidente da Qualicorp. Segundo os investigadores, os pagamentos teriam sido feitos a mando dele, tendo sido dois no valor de R$ 1 milhão e um de R$ 3 milhões.

Fonte: G1/São Paulo