10 de Agosto de 2020 às 13h35

Anvisa aprova segunda dose da vacina de Oxford contra Covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, nesta segunda-feira (10), que os voluntários da vacina de Oxford contra a Covid-19 recebam a segunda dose da vacina, para reforço da imunização.

Os voluntários que já receberam a primeira dose devem tomar o reforço entre 4 a 6 semanas depois de ter recebido a primeira dose. As pessoas que ainda não receberam a primeira dose precisarão aguardar pelo menos 4 semanas antes de receber a segunda imunização.

No dia 20 de julho, cientistas de Oxford divulgaram resultados mostrando que a dose de reforço induziu uma maior produção de anticorpos em voluntários das fases 1 e 2 de testes da vacina. No Brasil, os testes da nova vacina já estão em sua última fase.

Fonte: G1/Bem estar