26 de Agosto de 2020 às 21h21

Força-tarefa pede a Aras prorrogação da Lava Jato por mais um ano com atual estrutura

A força-tarefa da Lava Jato de Curitiba enviou um ofício à Procuradoria-Geral da República (PGR) pedindo a prorrogação de sua atual estrutura por mais um ano e apresentando um balanço dos resultados da operação até o momento.

Caso a PGR não decida por prorrogar os trabalhos da operação, a força-terefa terá da Lava Jato que encerrar seus trabalhos no dia 9 de setembro.

Os procuradores defendem que a força-tarefa seja mantida até o estabelecimento de uma transição para um novo modelo de grupos anticorrupção e sugerem quatro opções possíveis.

A análise da prorrogação será feita pela equipe do procurador-geral da República, Augusto Aras, em meio a uma crise entre a PGR e as forças-tarefas. Aras tentou obter cópia dos bancos de dados das operações, mas foi barrado por uma decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.

O pedido de prorrogação foi enviado nesta quarta à PGR e aos subprocuradores-gerais da República que integram o Conselho Superior do Ministério Público Federal, órgão que também deverá analisar o pedido da força-tarefa.

Fonte: O Globo