29 de Agosto de 2020 às 11h47

Roger Abdelmassih tem prisão domiciliar revogada e terá que voltar para a cadeia

Nesta sexta-feira (28), o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) revogou a decisão que determinou que o ex-médico Roger Abdelmassih, de 76 anos, cumprisse prisão domiciliar por ser considerado como integrante do grupo de risco da Covid-19.

Abdelmassih estava em casa desde 19 de abril, mas, agora, terá que retornar à Penitenciária de Tremembé, onde cumpria pena de 173 anos de prisão em regime fechado.

O tribunal atendeu a um recurso do Ministério Público, afirmando que não há nenhum cuidado que o ex-médico precise que não possa ter na cadeia.

Fonte: G1/São Paulo