31 de Agosto de 2020 às 08h36

Caso Flordelis pressiona votação da PEC do Fim do Foro, engavetada há 629 dias

Na última quarta-feira (26,) um grupo de 26 senadores entregou um ofício ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cobrando a votação imediata da proposta de emenda à Constituição (PEC) que estabelece o Fim do Foro Privilegiado.

O caso da deputada Flordelis (PSD-RJ), investigada como mandante do assassinato do próprio marido, Anderson do Carmo, motivou o pedido. A deputada não pode ser detida em função do foro privilegiado.

Atualmente no Brasil mais de 50 mil autoridades possuem direito a foro especial, mesmo em caso de crimes comuns, como assassinato.

Há exatos 629 dias a PEC do Fim do Foro aguarda que seja pautada por Rodrigo Maia para votação em plenário.