14 de Setembro de 2020 às 16h39

Lava Jato do Paraná denuncia Lula por lavagem de dinheiro outra vez

Na última sexta-feira (11), a força-tarefa da Lava Jato no Paraná denunciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto pelo crime pelo crime de lavagem de dinheiro.

De acordo com a os procuradores do Ministério Público Federal (MPF), os denunciados teriam cometido os crimes em ações envolvendo doações para “dissimular o repasse de R$ 4 milhões” entre os anos de 2013 e 2014.

Os advogados de Lula afirmaram que estas doações estão “devidamente documentadas por meio recibos emitidos pelo Instituto Lula — que não se confunde com a pessoa do ex-presidente — e foram devidamente contabilizadas”.

Fonte: G1/Paraná