04 de Novembro de 2020 às 10h59

Ex-assessora de Flávio Bolsonaro confessa rachadinha

Em depoimento ao Ministério Público do Rio, uma ex-assessora de Flávio Bolsonaro confessou ter devolvido mais de 90% do salário e que nunca trabalhou na Alerj para o agora senador.

De acordo com O Globo, Luiza Sousa Paes apresentou aos promotores diversos extratos bancários que demonstraram a transferência de cerca de R$ 160 mil entre 2011 e 2017, período em que ela trabalhou na Alerj, ao ex-PM Fabrício Queiroz, na época chefe da segurança de Flávio Bolsonaro.

Luiza trabalhou no gabinete de Flávio entre agosto de 2011 e abril de 2012. Depois, continuou devolvendo quase todo o salário a Queiroz, mesmo tendo sido transferida para outros departamentos da Alerj, como a TV Alerj e o Departamento de Orçamentos.

Fonte: O Globo